O papa Bento XVI, que recebeu nesta segunda-feira os astrônomos do Vaticano, reiterou que a Igreja Católica “se identifica e promove a pesquisa científica”, na certeza de que a “fé e a razão são as duas alas com as quais o espírito humano se eleva à contemplação da verdade”.

Os cientistas do Vaticano, liderados pelo jesuíta argentino José Funes, diretor do Observatório, a Specola de Castelgandolfo, localizado 20 quilômetros ao sul de Roma, foram recebidos hoje em audiência por Joseph Ratzinger.

O encontro ocorreu durante o 21º Curso de Verão da Escola de Astronomia e Astrofísica, do qual participaram 26 jovens estudantes provenientes de 14 países não industrializados do mundo. O curso deste ano será dedicado à “busca dos planetas extrasolares”.

“Espero que sua pequena comunidade internacional possa se converter em um sinal promissor de uma colaboração maior para o bem de toda a família humana”, afirmou o Pontífice.

Fonte: O Globo