O drama das famílias que sofrem a perda de oito vidas no acidente com dois trens semana passada, em Nova Iguaçu, chegou ao Vaticano.

O Papa Bento XVI manifestou pesar pelo desastre em carta enviada ao arcebispo do Rio, cardeal Dom Eusébio Scheid. O texto, assinado pelo secretário de Estado do Vaticano, cardeal Tarcisio Bertone, traz uma mensagem de solidariedade.

“Tendo tomado conhecimento, com profundo pesar, da notícia sobre grave acidente ferroviário no Rio de Janeiro, o Sumo Pontífice invoca ao Todo Poderoso alívio e conforto aos feridos e sinistrados.

O Papa, desejando afirmar-se presente a todos os enlutados com sua solidariedade no amor de Cristo, invoca para eles a assistência bálsamo da graça divina com confortadora bênção apostólica”, diz a carta.

O texto foi lido pelo padre José Antônio de Queiroz, da Igreja de São Sebastião, em Austin, na missa de domingo. “Para nós, foi um conforto o Papa se irmanar conosco nesse momento de dor. É prova de que estamos distantes, mas não despercebidos”, disse o pároco.

A carta será lida também durante a missa de 7º dia, amanhã, no Clube dos Ferroviários, próximo ao local do acidente – os fiéis farão caminhada da igreja até o clube. A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil também defendeu ontem rigor nas investigações para que novas tragédias sejam evitadas.

Fonte: O Dia