A Missão Integrada das Nações Unidas no Timor-Leste, Unmit, informou que a polícia decidiu relaxar o toque de recolher, decretado no mês passado, para permitir as comemorações da Páscoa, neste fim de semana.

O toque de recolher está vigorando desde 11 de fevereiro após os atentados contra o presidente José Ramos-Horta e o premiê Xanana Gusmão.

Alta

Segundo agências de notícias, o presidente timorense e Prêmio Nobel da Paz, recebeu alta do hospital na Austrália.

O premiê Xanana Gusmão nada sofreu nos ataques.

Nesta quinta-feira, Gusmão se encontrou com um grupo de especialistas da ONU em segurança em Díli, capital do Timor.

Treinamento

A equipe está realizando uma visita oficial ao país asiático para avaliar treinamento e cooperação da polícia da ONU com as forças de segurança locais.

Uma ex-colônia portuguesa, no sudeste da Ásia, o Timor-Leste foi anexado pela Indonésia na década de 1970, e se tornou independente após um referendo da ONU em 2002.

Fonte: Rádio ONU