Um pastor da Igreja Assembléia de Deus foi executado com 7 tiros de revólver calibre 38 na tarde deste sábado, em Campina Grande.

O crime aconteceu na Rua Tomé de Souza, entre os bairros de José Pinheiro e Monte Castelo.

Segundo informações da Polícia Militar em Campina Grande, o pastor Geraldo Lemos, de 30 anos, estava pintando alguns objetos em sua residência por volta das 13h00, quando dois homens se aproximaram em uma motocicleta e começaram a disparar. A vítima ainda tentou correr, mas não conseguiu e acabou caindo no meio da rua.

Depois do crime, os bandidos fugiram rapidamente e o pastor ainda foi socorrido para o Hospital de Traumas Dom Luiz Gonzaga Fernandes, mas não resistiu aos ferimentos e morreu cerca de 10 minutos depois.

A Polícia faz rondas na região da Zona Leste de Campina Grande para tentar identificar e prender os assassinos, no entanto, até agora, ninguém foi capturado.

Os motivos para o homicídio ainda não foram revelados e o caso agora será acompanhado pelos delegados Francisco de Assis Silva e Cassandra Maria Duarte, da Especializada neste tipo de delito.

Este foi o 25° homicídio registrado em Campina Grande neste ano de 2012.

[b]Fonte: Correio da Paraíba[/b]