O jornalista Ndifreke Benson acusa o pastor David Amoussou de ter raptado sua mulher. Amoussou forjava milagres para poder atrair novos fiéis.

Um famoso pastor nigeriano causou um grande escândalo para a sua congregação depois de ter sido revelado que ele forjava milagres para poder atrair novos fiéis, por meio de uma “nova forma de evangelização”, conforme relatado pela imprensa local.

[img align=left width=300]http://images.christianpost.com/portugues/middle/56511/david-amoussou.jpg[/img]Líder de uma igreja pentecostal em Akwa Ibom, o bispo David Amoussou foi o mentor de um golpe meticuloso, onde pessoas eram contratadas para fingir passarem pela cura de alguma enfermidade que era resolvida por um milagre instantâneo promovido pelo pastor.

A verdade veio à tona, quando membros dissidentes da proposta de Amoussou decidiram se afastar e revelar toda a farsa, apontando que dinheiro de fiéis eram desviados para a reprodução dos milagres instantâneas. O anúncio abalou a comunidade cristã local, que agora está completamente descrente em relação ao pastor.

Para piorar a situação, quando o pastor tentava amenizar todo o constrangimento, mais controvérsias surgiram, deixando o caso ainda mais estranho. Uma outra denúncia grave surgiu de um suposto sequestro.

Ao relatar que teve seu escritório e sua casa invadidos por Amoussou, o jornalista Ndifreke Benson declarou que o pastor raptou sua esposa, com o objetivo de destruir sua família.

Para resolver toda a situação, Benson aponta que buscou auxílio de uma associação cristã local e de outros líderes cristãos, com a meta de recuperar sua esposa, que teria sido ludibriada pelo pastor e estaria disposta até a casar com ele.

Na contramão do caso, a polícia teria deixado o caso de lado ao saber que Benson era um homem perigoso, e se aproveitava das acusações de fraude em torno de Amoussou, para se fazer de vítima.

Ao dar seu testemunho sobre a situação, a Sra. Esther Ndifreke Benson afirmou que não está mais casada com Ndifreke, e que além de cometer atos de infidelidade, era um homem violento, e ela pôde encontrar uma nova vida ao lado de Amoussou.

Para evitar novos desentendimentos, Amoussou tem se mantido sob sigilo e não se pronunciou sobre nenhum dos casos, para preservar sua congregação.

[b]Fonte: The Christian Post[/b]