A inscrição faz parte do símbolo do município desde a fundação, há quase 70 anos.

[img align=left width=300]http://www.fatimanews.com.br/imagem.php?imagem=uploads/1594423974.jpg&altura=500&largura=280[/img]Nome da principal oração com a qual os católicos saúdam a mãe de Jesus, a “Ave Maria” poderá ser retirada da bandeira de Sidrolândia, município localizado a 71 km de Campo Grande.

Desde novembro, uma defensora pública está preparando uma ação judicial a pedido do pastor Adilson Machado de Souza, da Igreja Evangélica, para retirar o nome da santa.

Além disso, um abaixo-assinado pedindo a retirada da “Ave Maria” já conta com cerca de 1000 assinaturas.

O argumento é de que a inscrição no símbolo do município fere o Direito Constitucional de liberdade religiosa, favorecendo a Igreja Católica. Apesar de morar em Sidrolândia há 23 anos, apenas em 2009 o pastor Adilson notou que o nome da santa estava na bandeira.
“Eu nunca tinha me dado conta. Há dois anos vi a bandeira e percebi. Aí, como cidadão comum, eu resolvi entrar com uma ação judicial contra a Prefeitura”, disse.

O pastor, que é professor de inglês formado em Letras pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco), chegou a pesquisar sobre a origem da bandeira. “A bandeira foi feita por meio de decreto do fundador. Na simbologia não aparece sequer o porquê da inscrição”, afirmou.

Ele está confiante de que conseguirá mudar o símbolo de Sidrolândia.

[b]Fonte: Fatima News[/b]