Postagens nas redes sociais afirmam que três filmes sobre a trajetória de Edir Macedo, líder da Igreja Universal, com orçamento de R$ 16 milhões, terão patrocínio da RioFilme, empresa ligada à Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura do Rio.

[img align=left width=300]https://img.ibxk.com.br///2016/07/27/27153516344259-t1200x480.jpg[/img]Desde fevereiro, o boato é compartilhado nas redes sociais. A Paris Entretenimento, produtora do longa-metragem “Nada a Perder”, afirma que não há patrocínio da RioFilme ou da prefeitura do Rio no projeto.

Dirigido por Alexandre Avancini, o filme é dividido em duas partes e rodado em São Paulo e no Rio de Janeiro, com filmagens em Joannesburgo e Israel previstas para setembro.

A RioFilme também esclarece que nunca foi solicitada a apoiar ou patrocinar o filme sobre a vida do bispo Edir Macedo. “Esse boato, lamentavelmente, ganhou as redes sociais em fevereiro e já foi devidamente desmentido”, diz por nota.

[b]Fonte: O Globo[/b]