O Flash H2R do Comportamento, realizado em dezembro pela a H2R Pesquisas Avançadas, mostrou como os paulistanos preferem o réveillon (74%) em relação ao Natal (64%).

Também foi perguntado sobre os presentes natalinos, 64% gosta de recebê-los e 56% de dá-los. Foram entrevistados 432 homens e mulheres, residentes na cidade de São Paulo, de classe econômica A, B, C e D (critério Brasil 2008) e faixa etária de 14 a 65 anos.

“As mulheres são mais entusiasmadas com o Natal do que os homens, porém a identificação positiva com o clima natalino é acentuada para ambos”, diz o diretor da H2R, Rubens Hannun. O Natal parece mesmo ser uma “festa família”: a maioria expressiva dos casados (89%) adora esse clima. Já os separados aparecem como os que menos gostam, especialmente neste ano, no qual 23% dizem estar indiferentes e 19% desanimados.

Em relação aos presentes de Natal, com ou sem críticas sobre o lado comercial desta data, a maioria dos entrevistados adora ganhar presentes (64%) e pouco mais da metade (56%) afirma dar presentes com prazer. Poucos são os que reclamam da obrigação de dar presentes, ou de ter que dar para alguém de quem não gostem, ou mesmo da chatice de ter que ir às compras.

A pesquisa apontou também uma diferença nesse sentimento ligado às condições financeiras dos paulistanos: a classe A é a que mais adora dar e receber presentes, seguida das classes B e C; a classe D é a que menos gosta, provavelmente em função de seus recursos financeiros. Curiosamente, a classe B, a mais indisposta com o Natal, é a que mais gosta de receber presentes (69%).

A maioria dos paulistanos (74%) se sente mais animada em relação ao réveillon do que ao Natal (64%). Os adolescentes e os jovens são os mais entusiasmados com o ano-novo. Entre as classes econômicas, é na D que as pessoas estão menos animadas para essa data.

Informações levantadas:

– 81% gostam o clima de Natal

– 1/3 dos separados e da classe B detestam esse clima

– 76% dos adolescentes, gostam mais do Natal. Entre os mais velhos esse valor cai para 53%

– São os adolescentes os que mais adoram ganhar presentes (79%) e os adultos de 36 a 50 anos são os que menos gostam (52%)

– Solteiros (74%) e casados (73%) adoram o réveillon; essa animação é menor entre os separados (68%)

Fonte: G1