Um estudo mostrou que é normal que as pessoas sintam raiva de Deus quando passam por problemas pessoais.

A pesquisadora Julie Exline fez um estudo revelando que as pessoas mais religiosas têm mais tendência a dizer que estão bravas com Deus. Essa relação mais próxima com a religião faz com que essas desavenças e questionamentos surjam como mostra a pesquisa.

Exline separou dois grupos, um formado por 358 universitários e outro com 471 adultos. Para cada um deles foi perguntado se eles questionavam, reclamavam, ficavam com raiva ou até mesmo viraram as costas para Deus se tornando ateu.

Entre essas pessoas que participaram da pesquisa, 39% era protestante, 30% católicos, 5% judeus e os demais professavam o hinduísmo, islamismo, budismo e outras religiões. O resultado mostrou que os mais devotos se mostram mais aceitáveis a sentir raiva de Deus.

“Eu penso que é importante para as pessoas enxergarem que uma boa relação com Deus tem espaço para isso, como um casamento, onde há lugar para questionamentos e desavenças”, diz a pesquisadora.

Essa não é a primeira pesquisa realizada por Julie Exline relacionada ao tema, um estudo anterior mostrou que 87% dos estudantes entrevistados já tiveram raiva de Deus após passar por problemas pessoais. Com esse novo estudo ela quis mostrar que esse sentimento era ou não aceitável entre os religiosos e o resultado foi positivo.

[b]Fonte: Gospel Prime com informações de Hype Science
[/b]