[img align=left width=300]http://www.lagoinha.com/lagoinha-wp-site/wp-content/uploads/2015/09/DSC1111-1024×678.jpg[/img]

Ser livre para escolher sua própria religião, falar sobre Deus com qualquer pessoa e ter a Bíblia sempre em mãos – para os cristãos brasileiros, isso é muito comum, mas, para os cristãos norte-coreanos, é um sonho distante.

Em nenhum outro país do mundo, os cristãos são tão perseguidos como na Coreia do Norte. Para eles, crer em Jesus significa ser proibido de professar sua fé abertamente e ser torturado, preso e morto por um dos regimes mais opressivos do mundo.

Por esse motivo, o “Underground”, ministério de jovens da Portas Abertas, realiza o Shockwave, uma “onda” mundial de oração pela Igreja Perseguida. Este ano, a ação acontecerá entre os dias 25 e 27 de setembro, em todo o Brasil.

Em Belo Horizonte (MG), um grupo se reunirá em favor dos cristãos na Coreia do Norte. A reunião de oração será no dia 25 (sexta-feira), às 19h, no Edifício São Carlos, situado à Rua Rio de Janeiro, nº 441, 3° andar, na Praça Sete, no Centro de BH.

Quem não tem disponibilidade para estar presente, basta escolher um lugar – casa, igreja, parque, faculdade, trabalho, etc – e reunir os amigos para orarem juntos.

Para ter acesso a vídeos, sugestões de atividades e diversos materiais de apoio. O interessado em participar pode cadastrar-se no site www.underground.org.br/shockwave.

[b]Fonte: Lagoinha[/b]