O jogo de futebol beneficente, ocorrido no sábado, no estádio do Pacaembu, zona oeste de São Paulo, será apurado pela prefeitura para saber se o evento disfarçou um show gospel promovido pela evangélica Igreja Universal do Reino de Deus.

Apresentações musicais são proibidas no local desde novembro de 2005.

Segundo o jornal Folha de São Paulo, a Polícia Civil vai investigar se houve crime de desobediência. No dia do evento, um boletim de ocorrência foi aberto por moradores da Associação Viva Pacaembu.

De acordo com a prefeitura, foi dada autorização para a realização de um jogo de futebol beneficente a partir das 15h. Entretanto, pelo menos uma estrela gospel, a ex-apresentadora Mara Maravilha, cantou para o público presente.

Fonte: Terra