A ação promete ser preventiva, mas a Prefeitura vai realizar uma inspeção nas igrejas e tempos evangélicos em João Pessoa, que poderão sofre intervenção caso não esteja dentro dos padrões técnicos de engenharia.

A informação sobre a fiscalização foi repassada pelo comandante da Guarda Municipal, José Benardino.

Segundo ele, a intervenção da Prefeitura Municipal de João Pessoa tem o objetivo de prevenir os fiéis de possíveis problemas na estrutura dos prédios das igrejas e tempos evangélicos. Vai ser um trabalho de prevenção, para evitar o que ocorreu na sede da Igreja Renascer, em São Paulo.

“Sem dúvida, esse é o propósito da Prefeitura e a inspeção será feita neste sentido, já que existem vários prédios recém reformulados”, destacou o comandante da Guarda Municipal.

A intervenção da Prefeitura ocorrerá tão logo o prefeito Ricardo Coutinho dê o ‘sinal verde’, autorizando o trabalho de fiscalização. Primeiramente, será feito um levantamento dos pedidos encaminhados pelas igrejas e tempos evangélicos para a realização de reforma.

Em seguida, as equipes técnicas de engenharia da Prefeitura cairão em campo, a fim de localizar e proceder a fiscalização dos prédios. A intervenção terá um trabalho integrado, envolvendo diversos órgãos municipais.

Fonte: Paraíba online