O pastor Adriano Dias da Silva, de 28 anos, foi preso nessa terça-feira (17), acusado de abusar de crianças que frequentavam a igreja na qual ele atua, em Duque de Caxias, Rio, de acordo com informações da Polícia Civil.

Adriano, acusado pelo crime de estupro de vulnerável, era investigado pela delegacia havia cerca de um mês, por abusar de crianças e adolescentes que frequentavam a igreja no Jardim Primavera.

De acordo com o titular da 60ª DP, delegado Felipe Curi, o pastor aproveitava da condição de líder espiritual e promovia encontros com os adolescentes e crianças. Com a desculpa de realizar estudos bíblicos, cometia os crimes em um quarto nos fundos da igreja.

Ainda segundo o delegado, alguns jovens recebiam valores entre R$ 30,00 e R$ 70,00, além de alguns presentes, enquanto outros eram ameaçados de morte caso contassem sobre os encontros.

[b]Fonte: Agência Estado[/b]