Um monsenhor (título que o papa concede a alguns eclesiásticos, por serviços prestados à Igreja), de 85 anos, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira, no banheiro de uma casa paroquial.

O incidente ocorreu em Ilicínea, cidade no Sul de Minas.

Conforme a Rede Globo, que divulgou as informações, o religioso morava sozinho e era pároco da cidade há 60 anos.

A polícia informou à emissora que um curto circuito pode ter causado o incêndio, que atingiu o boxe e o chuveiro da casa paroquial.

Fonte: O Tempo