[img align=left width=300]https://i2.wp.com/clickpolitica.com.br/wp-content/uploads/2017/01/EIKE-LASCOU.jpg[/img]

Quando Eike Batista participou de culto em uma Assembleia de Deus de Rocha Miranda, ano passado, muitos se perguntaram se o ex-bilionário havia, de fato, se convertido. Ontem, no dia em que o empresário foi preso, o próprio pastor que recebera Eike na igreja colocou a ideia em xeque. “Se ele seguisse Cristo, do jeito que o Senhor falou para ele aqui, ele estaria livre”, vociferou Daniel Silva, o Danielzinho, no mesmo culto a que o novo preso de Bangu 9 assistiu há cerca de cinco meses. Os fiéis vibraram.

[img align=left width=300]http://ejesa.statig.com.br/bancodeimagens/50/q0/0z/50q00ziqenxn6jl5v45gl6325.jpg[/img]Eloquente, enfático e persuasivo, o pastor se exaltou ao mencionar alguém que teria usado a prisão de Eike para duvidar do poder de sua igreja. E não guardou os xingamentos para si. ‘Imbecil’, ‘idiota’, ‘panaca’ e ‘profetinha de araque’ foram alguns dos escolhidos.

Cerca de 200 fiéis lotaram a discreta igreja da Zona Norte, cujo portão de entrada divide espaço com uma loja de operadora de televisão. No culto, que começou pouco depois das 15h e passou das 18h, não foram poucos os que se emocionaram, e até choraram, após ouvir o sermão.

Rocha Miranda ocupa a 108ª posição na lista de bairros do Rio por renda per capita, com média de R$ 2.098 mensais, segundo o último censo do IBGE. Jardim Botânico, onde Eike mora, é o 7º, com R$ 10.565. A aparição do empresário, na época, surpreendeu e viralizou na internet.

Quando o vídeo da ‘conversão’ foi divulgado, a equipe do jornal O DIA também visitou o local e conversou com funcionários para saber como havia sido aquela presença inusitada. Eike sentou-se na primeira das 12 fileiras, em uma cadeira branca de plástico — igual a todas as outras que ocupam o espaço. E ergueu a mão quando o pastor pediu uma forcinha aos fiéis para ‘expulsar o demônio’ do corpo de uma mulher que se debatia no chão. Ninguém soube dizer se ele contribuiu com o dízimo.

Ontem, em várias ocasiões, as frases de efeito do pastor se encaixavam na história de ascensão e queda daquele que já foi o homem mais rico do Brasil — mesmo quando não mencionavam o empresário. “Quem estava rico vai ficar pobre e quem estava pobre vai ficar rico. Quem tinha não vai ter, quem não tinha vai ter.” E mais: “Quem está em cima vai cair. Quem acha que é, não é nada. Porque Deus vai fazer justiça”, vaticinou, a certa altura.

[b]Fonte: O Dia[/b]