O Senado aprovou ontem um projeto que determina a inclusão obrigatória das disciplinas de Filosofia e Sociologia nas três séries do ensino médio. Também aprovado na Câmara, a proposta será apreciada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva para sancioná-la ou vetá-la.

De autoria do deputado Ribamar Alves (PSB-MA), o projeto prevê que a lei, que deve ser seguida por Estados e municípios, entre em vigor na data de sua publicação, sem especificar o momento de implantação.

Na discussão da proposta, a senadora Ideli Salvatti (PT-SC) saudou o retorno das duas disciplinas ao ensino médio, 37 anos depois de serem excluídas do currículo por decisão do regime militar que governou o País (1964-1985). Na época, foram substituídas pela disciplina Educação Moral e Cívica.

A senadora lembrou que a proposta tramitava há onze anos no Congresso Nacional. “As duas disciplinas permitem à juventude acessar todas as matérias do conhecimento, permite que se formem conceitos, caráter moral e que as pessoas tenham uma visão humanista. Fizemos um acordo e votamos por unanimidade. Hoje fizemos um grande benefício aos jovens brasileiros”, analisou.

Fonte: Terra