Em artigo publicado em seu blog, Edir Macedo (foto) disse que existem pessoas que se dizem evangélicas mas não têm uma “aliança” com Deus.

Em artigo publicado em seu blog nesta quinta-feira, 17, o bispo Edir Macedo fala dos “ladrões de Deus”.

No texto, intitulado “Crentes Ladrões”, o bispo se dirige especialmente a pessoas que frequentam igrejas evangélicas, se dizem evangélicas e muitas vezes até agem como evangélicas, mas não têm uma “aliança” com Deus.

“E será que o Senhor Jesus vai defendê-los só porque dizem crer nEle? Só porque são frequentadores de igrejas evangélicas? (…) Não! Mil vezes não!”, afirma o bispo.

Edir Macedo destaca que frequentar igrejas evangélicas não é o suficiente para alcançar a salvação ou ser bem sucedido. Ele afirma ainda que os crentes desobedientes “são piores do que os malfeitores incrédulos”, pois conhecem a palavra de Deus e afirmam crer nela.

Ao longo do texto o bispo coloca a fidelidade com relação ao dízimo como uma das evidências da aliança do servo com Deus. Já aos crentes que não honram seu compromisso com o dízimo, ele dá o título de ladrões.

“O dizimista fiel tem até o direito de cobrar as Promessas de Deus. Se o fizer, vai constatar sua veracidade”, destaca o bispo.

O dízimo é comumente criticado por grupos da sociedade que consideram absurdo o trabalhador doar 10% de seus ganhos a alguma instituição religiosa. Mas o líder Igreja Universal do Reino de Deus defende com este artigo que quem não entrega o dízimo está roubando a Deus. E atribui a falta de prosperidade de muitos a esse “roubo”.

“São ladrões diante do Deus-Pai, ladrões diante do Deus-Filho e ladrões diante do Deus-Espírito Santo. Daí a razão porque sua maioria é fracassada”, discursa.

“Quando há parceria com o Criador, nada é estéril. Pelo contrário. Há sucesso em todo e qualquer empreendimento”, completa.

Segundo o bispo, em sua infidelidade, muitos atraem uma maldição para suas vidas, pois não há ladrão que se mantenha longe da condenação.

“Pode até ficar livre por um tempo, dois tempos, três tempos. Mas nunca e jamais por todo o tempo. Cedo ou tarde estarão sentados perante o Justo Juiz”, diz Macedo.

Edir Macedo é um televangelista, fundador da Igreja Universal do Reino de Deus e proprietário da Rede Record de Televisão. Conhecido como promotor da Teologia da Prosperidade, ele já foi alvo de denúncias de lavagem de dinheiro e formação de quadrilha no passado e hoje seus bens e organizações têm sido alvo da mídia sobre problemas financeiros.

[b]Fonte: The Christian Post[/b]