O pastor Silas Malafaia apareceu neste final de semana na propaganda eleitoral de José Serra, candidato que apoia a união civil homossexual.

O candidato a presidente do Brasil, José Serra (PSDB) incorporou à sua propaganda eleitoral do fim de semana depoimentos dos pastores Silas Malafaia e José Wellington Bezerra da Costa.

“Para ser presidente, […] tem que estar acima dos partidos… E aí, querido, para isso, nós só temos uma pessoa: Serra”, disse Malafaia, representante da Assembleia de Deus Vitória em Cristo e um dos mais radicais críticos de Dilma Rousseff (PT).

A uma semana do primeiro turno, Malafaia se aproximou do católico Serra após romper com a evangélica Marina Silva (PV).

Na opinião do pastor, um dos mais populares do país, a “irmã” Marina ficava “em cima do muro” ao propor plebiscito para a liberação do aborto e da maconha.

Curiosamente, as imagens do pastor Silas Malafaia começaram a aparecer na mesma semana em que um vídeo mostrou José Serra defendendo a união civil de homossexuais e a adoção de crianças por casais gays, durante uma sabatina do jornal Folha de São Paulo e UOL, e também na mesma semana em que ex-alunas da mulher de José Serra, Mônica Serra, disseram que ela teria feito um aborto quando estava exilada com o marido no Chile.

Ainda na semana passada em encontro com ONGs que lutam contra o vírus HIV, José Serra voltou a dizer que é a favor da união civil entre homossexuais.

Temas como união civil de homossexuais, adoção de crianças por casais gays e aborto, frequentemente são bastante criticados pelo pastor Silas Malafaia em seu programa de televisão e o tema aborto foi o que, segundo o próprio pastor, o fez deixar de apoiar a candidata Marina Silva e declarar seu voto ao candidato José Serra.

Notícia relacionada: [url=http://www.folhagospel.com/modules/news/article.php?storyid=15437]Serra volta a defender união civil entre casais homossexuais[/url]

Veja o vídeo de José Serra apoiando a união civil gay e a adoção de crianças por casais homossexuais:

Veja o vídeo do pastor Silas Malafaia no guia eleitoral de José Serra:

[b]Com informações da Folha de São Paulo[/b]