Cícero Godofredo dos Santos, 40 anos, que se diz pastor evangélico da igreja Deus é Amor, foi preso em flagrante no fim de semana, por policiais da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), ao tentar recuperar um carro roubado, comprado por ele em mãos do sobrinho Franklim Roosevelt dos Santos, foragido da Justiça de Alagoas e capturado em Salvador no último dia 22.

O Ford Fiesta de placa MVF-0954, havia sido tomado de assalto há dois anos na capital alagoana por dois homens armados, sendo localizado pela polícia no estacionamento do Condomínio Arvoredo, no bairro Tancredo Neves.

Interrogado pela delegada Neide Barreto, titular da DRFR, Cícero declarou haver adquirido com o sobrinho o Fiesta preto, ano 2005, quatro portas, licenciado em Maceió, por R$2.800. Informou ainda que deixara o veiculo para lavar no estacionamento do condomínio onde Franklim tinha um apartamento alugado, desde que fugiu do presídio. Cícero Godofredo dos Santos foi autuado por receptação e está à disposição da Justiça Criminal.

Latrocínio – Franklim Roosevelt dos Santos, que há dois anos roubou e matou, em Maceió, Guilherme Cabral, filho de um casal de professores de uma universidade local, já foi recambiado para Alagoas. Agentes da DRFR prenderam o alagoano no último dia 22, durante uma abordagem no bairro de Tancredo Neves. Condenado por latrocínio, ele fugiu em 3 de janeiro deste ano do presídio Siridião Durval, em Maceió, onde cumpria pena de 25 anos e seis meses.

Conduzindo sem habilitação o veículo Gol, de placa MUW-1169 (licença de Alagoas), Franklim apresentou à polícia baiana uma carteira de identidade falsa com o nome de Diego Delane da Silva. Percebendo o seu nervosismo, os agentes da DRFR questionaram alguns dados do documento que ele não soube responder, sendo então encaminhado à sede da delegacia, no Complexo Policial da Baixa do Fiscal, onde confessou usar documentos falsos e ser foragido da Justiça de Alagoas.

Fonte: Correio da Bahia