No comando do Qatar SC, o técnico Sebastião Lazaroni teve o segundo desafio pela Liga do Catar nesta quinta-feira, contra o Al-Sailiya, do técnico brasileiro Zé Paulo.

No jogo de estréia, o Qatar venceu o Al-Khor por 2 a 1 e Lazaroni ficou satisfeito com a dedicação dos jogadores, principalmente os muçulmanos que estão se esforçando em campo para driblar os efeitos físicos provocados pelo Ramadã, o mês sagrado da religião islâmica, que impõe algumas limitações, como não comer durante o dia.

O treinador brasileiro, inclusive, pediu à sua comissão técnica que tenha uma atenção especial com os jogadores árabes que seguem à risca o jejum obrigatório no período religioso.

– Nesta semana, fizemos um trabalho de recuperação especial com os jogadores muçulmanos, que seguem o Ramadã. Nosso objetivo é diminuir o risco de problemas durante as partidas. Por isso, pedi que a comissão técnica fique atenta à alimentação desses atletas nos horários que eles podem se alimentar. No nosso primeiro jogo, tive que fazer uma substituição porque o jogador estava fraco e quase desmaiou em campo. Um dos mais desgastados é o atacante Sebastien Soria, que fez um gol na estréia – contou o técnico.

Sebastião Lazaroni foi apresentado como técnico do Qatar no fim do mês de julho. Ele assumiu o desafio de fazer uma boa campanha com a equipe e acabar com o jejum de cinco anos sem título da Liga do Catar. O treinador conta com dois brasileiros no time: o atacante Marcinho, ex-Flamengo, e o meia Roger, ex-Grêmio.

Fonte: O Globo