A Igreja Católica é favorável à adesão da Turquia à União Européia (UE) porque este país percorreu um longo caminho e respeita as regras fundamentais da vida conjunta, afirmou o número dois do Vaticano, Tarcisio Bertone, em uma entrevista ao jornal La Stampa.

Entrevistado durante uma conferência sobre o tema “Cristianismo e Secularismo”, o secretário de Estado da Santa Sé declarou que a “Turquia é um país definitivamente laico”.

“Na Europa se exalta a laicidade como tal e ainda mais o laicismo. E em nome deste laicismo rejeitamos qualquer referência às raízes judaico-cristãs”, disse.

“Porém, a Turquia também percorreu um longo caminho e ainda prossegue (…

). As posições são naturalmente muito diferentes, mas com os povos e os governos que respeitam as regras fundamentais da vida em conjunto se pode dialogar e construir conjuntamente um bem comum na esfera européia e na esfera da comunidade mundial”, afirmou Bertone.

“Inclusive com uma entrada na União Européia?”, questionou o La Stampa.

“Inclusive com uma entrada na Europa”, respondeu o monsenhor Bertone.

Fonte: AFP