Comissão foi criada pelo G8 Vaticano, que ajuda Papa na reforma da Cúria. Ela vai ter participação de leigos, disse o cardeal americano Sean O’Malley.

O Vaticano anunciou nesta quinta-feira (5) a criação de uma comissão especial para proteger os menores vítimas de abusos sexuais e para combater os casos de pedofilia no clero.

A comissão foi criada pelo conselho de oito cardeais que assessoram o Papa Francisco na reforma da Cúria Romana.

A comissão, que deve ter a participação de leigos, irá trabalhar com os bispos e com as conferências episcopais, disse o cardeal americano Sean O’Malley, membro do chamado “G8 Vaticano”.

[b]Fonte: G1[/b]