O monumental presépio que é montado todo ano na praça São Pedro será ambientado pela primeira vez em Nazaré, e não em Belém, como indica a tradição católica, informou o Vaticano.

A decisão foi tomada pelo Governo do Estado da Cidade do Vaticano, encarregado da montagem do presépio, que será inaugurado pelo papa Bento 16 em 24 de dezembro.

O presépio se inspira no Evangelho de Mateus, que situa o nascimento de Jesus na casa de José, em Nazaré. Nos Evangelhos de Lucas, Marcos e João, o local indicado é uma gruta em Belém.

O Vaticano informou que o presépio deste ano terá três ambientes: a sala da Natividade, a carpintaria de São José e uma hospedaria, símbolo da vida coletiva da época.

Algumas das figuras, elaboradas em madeira perfumada e de tamanho natural, serão doadas pela província de Trento, no norte da Itália.

Os arquitetos de Trento, que também se encarregam da montagem, explicam que todo o presépio estará ambientado em uma paisagem da terra palestina.Já os quatro anjos do presépio foram doados pelo México, após serem elaborados pelo escultor Agustín Parra.

A tradição de instalar um presépio na praça São Pedro, junto ao obelisco, começou em 1982, por desejo de João Paulo 2º.

Ao lado do presépio, como todos os anos, também foi colocada uma árvore de Natal, de 25 metros, procedente das florestas de Val Badia, na província de Bolzano (norte), e decorada com cerca de 2.000 lâmpadas que serão acesas na sexta-feira.

Fonte: EFE