O promotor do Patrimônio Público e Social de Três Lagoas, Fernando Marcelo Peixoto Lanza, instaurou inquérito civil para apurar a denúncia.

O Ministério Público Estadual (MPE) investiga o ex-presidente da Câmara Municipal e vereador de Selvíria, José Cecílio da Silva Filho (PT), por usar uma falsa procuração do bispo de Três Lagoas para vender terras da igreja no município, localizado a 336 quilômetros de Campo Grande.

Os lotes comercializados são de uma área destinada pela Igreja Católica para famílias carentes no Distrito de Véstia.

O promotor do Patrimônio Público e Social de Três Lagoas, Fernando Marcelo Peixoto Lanza, instaurou inquérito civil para apurar a denúncia de que José Cecílio, presidente da Câmara Municipal de Selvíria em três ocasiões, teria uma procuração do bispo diocesano treslagoense, Dom José Moreira Bastos Neto, para comercializar os terrenos no Loteamento Guadalupe, no distrito de Véstia, em Selvíria.

[b]Fonte: Correio do Estado[/b]