No início dessa semana a notícia de que o carro usado por uma quadrilha de assaltantes durante a fuga após assaltar uma igreja teria sido atingido por um raio ganhou destaque no mundo inteiro.

De acordo com o vídeo que circulou junto à notícia inicial, a câmera de segurança da viatura que perseguia os criminosos filmou o carro sendo destruído pela descarga elétrica.

Diversos sites de notícias internacionais destacaram que os ladrões foram “punidos por Deus imediatamente” após assaltar uma igreja em São Petersburgo, na Rússia. A notícia foi divulgada também no Brasil, em sites como UOL, Folha de S.Paulo, Gospel+ e FolhaGospel.

Porém, o site brasileiro E-farsas publicou uma matéria afirmando que o vídeo é falso, e que na verdade se trata de uma montagem feita em um vídeo de um acidente ocorrido em fevereiro de 2013.

O E-farsas afirma que no vídeo que mostra o carro sendo destruído pelo raio há um corte evidente nas cenas antes e depois do clarão. O site publicou também o vídeo que afirma ser do acidente original; trata-se de uma colisão frontal, que resultou na explosão de um dos carros. Eles afirmam ainda que não há nenhuma notícia nos jornais locais de St Petersburgo a respeito de alguma igreja roubada recentemente, além das veiculadas junto ao vídeo da explosão do carro.

– O vídeo foi publicado no YouTube pela primeira vez no canal do usuário chamado World News TV e foi o único filme postado lá! Alguns dias após a postagem, o YouTube removeu o filme sob a alegação de o usuário ter violado as políticas do site – destacou ainda o E-farsas.

[b]Fonte: Gospel +[/b]