A Igreja Episcopal Anglicana de El Salvador ordenou, nesse período de Epifania, a primeira mulher salvadorenha ao sacerdócio. A igreja já conta com duas outras ministras, mas naturais dos Estados Unidos.

Irma de Alvarado é a salvadorenha que alcançou o ministério sacerdotal, junto com os jovens José Roberto Castro, Juan Pablo Alvarado e Manuel Osório, que foram consagrados ao serviço de Deus como diáconos.

As Sagradas Ordens na Igreja Episcopal são o diaconato, que significa a consagração ao serviço do próximo, o presbiteriato, que é o sacerdócio, e o bispado.

Há 30 anos a Igreja Episcopal salvadorenha abriu as portas do ministério sacerdotal às mulheres. Ela entende que tanto homens como mulheres podem ser chamados pelo Espírito Santo ao ministério de Deus. O Espírito Santo não distingue sexo, nem idade quando convida pessoas ao serviço, entendem anglicanos.

Tanto os jovens diáconos como a reverenda Alvarado desempenham a tarefa missionária em comunidades de escassos recursos, onde fazem o acompanhamento espiritual, que tem como mandato a promoção de seu desenvolvimento.

“Para nós, esta ordenação é uma festa, é fortalecimento da nossa Igreja”, disse o bispo da Igreja Episcopal de El Salvador, Martín Barahona.

Fonte: ALC