A seita é famosa por ter como seguidores famosos como Tom Cruise e John Travolta.

Um documentário que acaba de estrear sobre a cientologia – religião que tem seguidores famosos como Tom Cruise e John Travolta – causou furor no Festival de Cinema de Sundance, onde acaba de ser exibido após grande expectativa. ‘Going Clear’, dirigido por Alex Gibney, é uma adaptação do livro ‘Going Clear: Scientology, Hollywood e the Prison of Belief’ (em tradução livre, ‘Deixando às claras: Cientologia, Hollywood e a Prisão da Crença’), de Lawrence Wright. A obra, que é contada por ex-adeptos da religião, narra a relação do líder da cientologia, David Miscavige, com Hollywood.

Segundo Marty Rathbun, ex-líder da polêmica ceita que recentemente abandonou a igreja, foi a cientologia a grande culpada pelo fim do casamento de Tom Cruise e Nicole Kidman. Tudo porque a atriz estava decidida a cortar os laços de Tom com a cientologia. As acusações de Rathbun, um dos entrevistados pelo filme, vão mais longe. Ele afirma que igreja educou os filhos do casal para voltarem-se contra a mãe e assim, manter Cruise com a custódia das crianças.

Outro ponto alto é o testemunho de Spanky Taylor, que desempenhou papel importante no recrutamento de novos seguidores de Hollywood – sua especialidade era levar os astros. Ela, que também já abandonou a cientologia, foi quem introduziu John Travolta à religião, garante que a fidelidade do astro de Pulp Fiction não é inteiramente voluntária. Segundo Taylor, depois de anos do que ela chama de “auditoria espiritual”, processo pelo qual os seguidores revelam seus segredos e desejos mais profundos para uma espécie de ‘limpeza da alma’, a igreja tem depoimentos muito fortes gravados, que podem comprometer bastante a reputação de John Travolta.

O documentário sobre a igreja que, detalhe, tem apenas cerca de 50 mil seguidores e patrimônio estimado em U$ 3 bilhões, foi produzido pela HBO, que contratou nada menos que 160 advogados para fazer uma blindagem da filme, legalmente falando. Apesar de toda a polêmia, Tom Cruise e Travolta ainda não se pronunciaram e, pelo que consta, seguem na cientologia.

[b]Fonte: Site da revista Época[/b]