O doador dos quatro terrenos que hoje sediam o Centro de Restauração Renascer pede a devolução. Munido de provas, o empresário do ramo de transportes Benno Dalastra, diz que doou os terrenos para a Igreja do Evangelho Quadrangular, e que o pastor Jairo Gavin o enganou.

O imóvel custou R$ 120 mil . O empresário falou com a imprensa na sexta-feira de manhã (25/04), em entrevista coletiva ele contou como tudo aconteceu. Segundo Dalastra, os terrenos foram doados para que fosse construída uma nova sede para a Igreja Quadrangular.

A igreja do Evangelho Quadrangular apresentou uma representação criminal contra o pastor Jairo Gavin na semana passada, com a acusação de apropriação indébita de bens. Segundo registros documentais o pastor Jairo Gavin teria usado recursos e doações da Igreja Quadrangular para construção do Centro de Restauração Renascer.

Há denúncia de apropriação indébita de instrumentos musicais, artigos de cozinha e animais da chácara. O pastor da Igreja Quadrangular, Leandro Lorenzetti lamenta a situação e diz que há um ano o pastor Jairo Gavin registrou um boletim de ocorrência pelo desaparecimento do livro de patrimônio da instituição.

Fonte: Rádio Rural – Concórdia/SC