A Associação Nacional de Juristas Evangélicos (ANAJURE) e a Alliance Defending Freedom (ADF) vão trabalhar em parceria para capacitar estudantes evangélicos nos Estados Unidos.

Serão selecionados estudantes de Direito para um estágio intensivo no programa Blackstone Legal Fellowship. O edital completo está previsto para ser divulgado hoje, 04 de abril.

O projeto da [url=www.anajure.org.br]ANAJURE [/url]com a ADF vai cobrir as despesas de transporte aéreo, hospedagem, refeições, parte do material didático e inclui uma bolsa de 6.300 dólares no período de estudos. “O objetivo é formar e implantar líderes que possuem as credenciais, competência e caráter para efetuar a mudança visando a justiça e a glória do Senhor”, ressalta Jeffery Ventrella, Coordenador do Programa.

O presidente da instituição brasileira fala que faltam juristas com princípios cristãos no Brasil. “Temos hoje no Brasil um déficit neste sentido. Por isso, esta parceria da ANAJURE com a ADF vai possibilitar aos estudantes evangélicos brasileiros uma formação que muitos juristas e líderes evangélicos brasileiros não puderam ter no ambiente acadêmico nacional, que está tomado de ideologias anticristãs”, disse Uziel Santos, presidente da ANAJURE.

O processo seletivo vai passar por duas etapas: a primeira, entre 1º de maio e 30 de junho, onde será realizada a avaliação dos candidatos feita pela ANAJURE. Os classificados na etapa inicial deverão fazer sua inscrição definitiva no Programa Blackstone Legal Fellowship e serão entrevistados individualmente por representantes da ADF, no mês de setembro na cidade de Recife (PE). As informações dos aprovados serão divulgadas em outubro e o estágio ocorrerá em junho de 2014. O edital completo será publicado na próxima quinta-feira, 04 de abril, no site da ANAJURE.

O Blackstone Legal Fellowship tem o objetivo de capacitar futuros juristas para que eles atuem com mais eficiência em assuntos relativos às Liberdades Civis Fundamentais, especialmente na defesa da liberdade religiosa e de expressão. O treinamento visa ainda o aperfeiçoamento dos estudantes de Direito cristãos “para assumir posições de influência e liderança na sociedade, de modo a influenciarem positivamente a Política, o Sistema Jurídico nacional e o Poder Público”, informa o site da ANAJURE.

Com duração de nove semanas, o curso de imersão aprofunda princípios e análises altamente especializadas sobre o Direito e seus fundamentos, com ênfase no jusnaturalismo; exercícios práticos sobre a aplicação no mundo real por meio de mudanças no sistema jurídico; defesa da liberdade religiosa, santidade de vida e de princípios Cristãos como casamento e família.

Questões como jurisprudência da Suprema Corte, Direito Natural, Controle de Constitucionalidade, História do Direito, Teologia, Cosmovisão cristã, e engajamento estratégico cultural também compõem o conteúdo do treinamento.

[b]Fonte: The Christian Post[/b]