Um evangélico, 41 anos, da Igreja Adventista, em São Luis, Maranhão, é acusado de abusar sexualmente uma adolescente numa pousada no centro da cidade.

Segundo a avó da vítima, 65 anos, que reside no bairro do Anjo da Guarda, o evangélico contratava garotas para trabalhar em campanha política.

– Ele fez o convite para que a jovem fosse trabalhar na Cidade Operária. Pegaram o ônibus no Anjo da Guarda e quando chegaram na Praça Deodoro o religioso levou a adolescente para uma Pousada atrás da Santa Casa da Misericórdia – contou.

A avó da adolescente disse que o indivíduo é casado e mora atualmente no Anjo da Guarda. Ela contou ainda que chegou a ser assediada pelo evangélico.

O caso foi registrado na Delegacia Especial da Mulher, localizada na avenida Beira-Mar.

Fonte: Imirante.com