No último dia 4 de outubro, dois evangelistas foram espancados por hindus em uma igreja localizada no vilarejo de Mangalawadi, no distrito de Hassan, Karnataka. A notícia foi divulgada pelo Conselho Global de Cristãos Indianos (GCIC, sigla em inglês).

De acordo com o relato, os evangelistas Sudhakar e Issac, que trabalham em uma organização chamada Ministérios Indianos (Indian Ministries), foram atacados enquanto ministravam em Mangalawadi.

Ambos estavam participando de um culto com outros crentes na Igreja Memorial de Jnanamuni quando, por volta das 20h30, um grupo de aproximadamente 20 radicais invadiu o local de culto impedindo os evangelistas de conduzirem o período de adoração. Então, eles os atacaram brutalmente com socos e pontapés.

Um dos evangelistas, Sudhakar, foi gravemente ferido e sangrava profundamente. Ao ver a situação, os extremistas deixaram o local enquanto ele foi levado ao hospital público mais próximo, onde está sob cuidados médicos.

Cristãos locais foram às autoridades na delegacia rural de Holenaresipura no dia seguinte para prestar queixa. Entretanto, um dos policiais responsáveis os dispensou.

Interceda pelos cristãos na Índia que freqüentemente sofrem maus tratos físicos e não podem contar com o auxílio das autoridades locais.

Fonte: Portas Abertas