A ex-pastora metodista Teresa MacBain, que deixou a sua fé no ano passado e agora é a diretora-executiva da Associação Humanista da Flórida, ganhou da American Atheists o título de “Ateu do Ano”.

MacBain serviu no ministério por 20 anos antes de revelar em março passado que ela perdeu a fé. Ela recebeu o prêmio na convenção do mês passado da American Atheists em Bethesda, que comemorou o aniversário de 50anos do grupo.

De acordo com o The Christian Post, MacBain revelou que durante a convenção ela só conhecia algumas pessoas, mas este ano, depois de formar muitos novos relacionamentos, se sentiu mais como uma “reunião de uma grande família.”

– A maioria dos relacionamentos em minha vida desapareceu depois que sai em março, mas eu também encontrei muitos amigos novos na comunidade de livres-pensadores – revelou.

[img align=left width=300]http://noticias.gospelmais.com.br/files/2013/04/teresa-macbain-200×213.jpg[/img]A ex-pastora metodista, que reside na Flórida, disse ter sido uma grande honra e uma grande surpresa para ela receber o prêmio, que foi apresentado a ela no palco por Dave Silverman, presidente da AA.

– Receber este prêmio significa muito para mim – disse MacBain, que foi a primeira ex-pastora a receber o prêmio.

– Eu espero que a minha vida e exemplo encoraje outros a serem corajosos o suficiente para ser quem são. Espero também que os outros percebam que os ateus são pessoas boas e amorosas, não monstros. Talvez os passos que eu tomei ajudem a criar um caminho mais suave para os que virão no futuro – completou MacBain, que anteriormente foi diretora de relações públicas da entidade.

No ano passado, a ex-pastora falou do processo gradual em que ela perdeu a fé.

– Foi muito, muito gradual. Na verdade, não foi realmente um momento único onde eu posso olhar para trás e dizer ah, esse foi o momento. Foi uma espécie de progressão lenta – revelou MacBain.

Ela é também a primeira mulher do Projeto Clero, um grupo que auxilia os ex-ministros que deixaram a sua fé. O projeto tem mais de 440 membros.

[b]Fonte: Gospel+[/b]