A Igreja Presbiteriana da Colômbia comunicou o falecimento da reverenda Lilia Benítez de Ramírez, ocorrido na tarde da quinta-feira, 6. A reverenda Lilia, 86 anos, nasceu em Pijao, Quindio.

Presbiteriana desde os 15 anos, manteve uma forte liderança no Presbitério da Costa, no qual foi ordenada ministra em 1976, um ano depois do falecimento do seu marido, Noel Ramírez, que fora pastor da Quarta Igreja Presbiteriana em Barranquilla. Ela assumiu o pastorado nessa mesma igreja.

Mesmo depois de aposentada, continuou apoiando o trabalho pastoral, dando ênfase na evangelização como função principal da igreja. Cursou teologia no Seminário Bíblico da Costa Rica.

Sua igreja a recorda como uma mulher sonhadora, valente, esforçada e comprometida com a causa do Evangelho, mesmo no meio de violência e ameaças contra sua vida e a de seu esposo. Ela nunca deixou de visitar enfermos, pessoas mais precisadas, famílias da igreja.

Nos últimos meses, porém, suas forças físicas não lhe permitiram fazer o que para ela foi central em sua vida: a visitação pastoral. Lilia Benítez fundou cinco igrejas na Colômbia.

A Igreja Presbiteriana da Colômbia acompanha a seus filhos: Uriel, Jaime, Gérsan e Daniel e a toda sua família em oração, pedindo a Deus consolo na dor e fortaleza na tristeza pela ausência desta pessoa tão maravilhosa.

“Da mesma maneira damos graças a Deus porque desta virtuosa mulher e seu esposo nasceram mais duas gerações de pastores, seu filho Uriel e sua neta Lilia Maria, que é pastora em Paterson, nos Estados Unidos”, diz a nota da igreja.

Fonte: ALC