Franklin Graham visitou as áreas afetadas no Alabama como o líder da organização cristã Samaritan’s Purse.

Franklin Graham visitou as áreas afetadas no Alabama, incluindo Tuscaloosa, no sábado como o líder da organização cristã de ajuda humanitária Samaritan’s Purse.

Quando as pessoas perdem tudo para um tornado, inundação ou furacão, é esmagador. Mesmo em países como o nosso, nós não podemos depender do governo para entrar e reparar tudo,” disse Graham, presidente e Diretor Executivo do Samaritan’s Purse. “Como Cristãos, nós chamamos para ajudar nossos vizinhos em apuros.”

O Samaritans’s Purse da Carolina do Norte, já tem trabalhadores de ajuda humanitária a desastres em terra em Tuscaloosa e Birmingham, Alabama, ajudando os residentes afetados pelos tornados que deixou pelo menos 250 pessoas mortas no Alabama, de acordo com o relatório do número de mortos na manhã de domingo.

Alabama, o estado mais atingido entre diversos no Sul, também relatou cerca de 2.219 pessoas feridas nas tempestades de quarta-feira. Cerca de 500.000 famílias ainda não tem eletricidade no estado, de acordo com CNN.

Os tornados de semana passada foram os mais mortais na história do Alabama desde 21 de março, 1932, e um dos cinco mais mortais nos registros dos EUA, de acordo com o Birmingham News. Os tornados de 1932 mataram 268 pessoas no Alabama.

O secretário de Segurança Interna, Janet Napolitano e Administrador do Gerenciamento de Emergência Federal (FEMA) Craig Fugate estavam programados para visitar as áreas devastadas pelo tornado no Alabama e Mississipi neste domingo. Pelo menos 339 pessoas foram mortas pelos tornados semana passada entre seis estados afetados que também inclui a Georgia, Tennessee, Virgínia e Arkansas.

O Samaritan’s Purse tem carretas transportando suprimentos de emergência e ferramentas em solo do Alabama e está chamando voluntários para ajudar as equipes de ajuda à desastres a fazer a limpeza dos detritos e fazer reparos de emergência em residências.

O chamado para os voluntários vem semanas depois da organização cristã de ajuda humanitária ter emitido um convite para ajudar a limpar e reparar casas de vítimas na Carolina do Norte, onde um tornado matou pelo menos 23 pessoas.

“Isso rompe nossos corações ao ver nossos vizinhos sofrendo dessas tormentas devastadoras,” disse Graham em uma declaração sábado, sobre os tornados no Sul. “Nós estamos orando e queremos que eles saibam que a ajuda está a caminho.”

[b]Fonte: The Christian Post[/b]