A Igreja do Nazareno já tem um estúdio de gravação. A criação desta infra-estrutura, onde a igreja evangélica já grava os seus programas que são depois transmitidos nas rádios do país, é o embrião da futura rádio da Igreja do Nazareno.

Património exclusivo da Igreja do Nazareno, o estúdio de gravação foi equipado em parceria com a Rádio Transmundial e será operado por um grupo de 10 pessoas que foram treinadas para o efeito e trabalharão em regime de voluntariado, como é tradição entre os leigos da confissão religiosa.

De acordo com o reverendo David Araújo, superintendente da Igreja do Nazareno, a infra-estrutura vai ampliar e aperfeiçoar a presença dos nazarenos no meio radiofónico: “Há muitos anos o nosso programa “A Hora Nazarena” tem gentilmente emissão na Rádio Nacional, tempo que o governo de Cabo Verde concede às igrejas reconhecidas em Cabo Verde. Mas esse tempo é pouco para o trabalho que queremos fazer. Por isso, construímos um estúdio”.

E nesse estúdio, que também recebeu apoio das comunicações da Igreja do Nazareno em África, já está a ser produzido um programa em crioulo, “Palavra di Hoje”, que está a ser transmitido pela Rádio Comercial. E, segundo o superintendente David Araújo, “a intenção é fazer outros dois programas, um sobre fé e ciência e outro de leitura da Bíblia em crioulo”.

Outro alvo da Igreja do Nazareno com a inauguração deste estúdio é fazer gravação de música cristã para, afirma o reverendo David Araújo, “aproveitar o potencial dos jovens com dom musical que não têm recursos para sair fora do país”. Numa fase seguinte, o estúdio de gravação da Igreja do Nazareno irá cumprir o objectivo principal com que foi criado: ser uma rádio.

Esta, de acordo com o reverendo David Araújo, “terá como propósito passar a mensagem da salvação, dar instruções educativas ao povo e apresentar outra alternativa em termos de rádio. Nós temos várias rádios em Cabo Verde, mas o que notamos é que privilegiam mais o entretenimento e muita propaganda que não ajuda. Por isso, nós queremos ter uma rádio que ajudará na promoção do nosso povo”.

Fonte: Gospel +