À frente de gigantes de tecnologia, indústrias tradicionais e grandes prestadores de serviço, a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias aparece como um dos melhores lugares para se trabalhar nos Estados Unidos, na visão dos seus empregados.

[img align=left width=300]https://abrilveja.files.wordpress.com/2016/12/albuquerque-mormon-temple15.jpg[/img]A instituição religiosa aparece em 19º lugar, em uma lista com 50, no ranking anual “Best Places to Work Employee’s Choice”, feito pelo site de recrutamento americano Glassdoor. A pesquisa leva em conta as opiniões prestadas por funcionários, voluntariamente, sobre a sua rotina, o ambiente de trabalho e a empresa.

A igreja mórmon, como é conhecida, fica à frente de empresas tradicionais como Johnson & Johnson (26º lugar), a companhia aérea Delta (21º), Apple (36º) e Microsoft (37º).

A líder do ranking deste ano é a empresa de consultoria Bain & Company. Em seguida aparecem, na sequência, Facebook, Boston Consulting Group, uma empresa de consultoria empresarial, Google e a empresa de tecnologia World Wide Technology.

[b]Fonte: Veja.com[/b]