A 19ª edição da manifestação evangélica Marcha para Jesus que está acontecendo nesta quinta-feira (23), feriado de Corpus Christi, na zona norte de São Paulo, deve reunir mais de um milhão de pessoas.

[img align=left width=300]http://n.i.uol.com.br/noticia/2011/06/23/fieis-de-diversas-comunidades-e-igrejas-cristas-participam-da-19-edicao-da-marcha-para-jesus-na-avenida-tiradentes-na-regiao-da-luz-no-centro-de-sao-paulo-1308842222484_615x300.jpg[/img]Os fiéis saíram da praça da Luz, por volta das 10h, e percorreram cerca de 4 km até a praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira.
Todo o percurso está interditado para o tráfego de veículos. A manifestação deve terminar só por volta das 21h e já reúne uma multidão. A polícia e a organização do evento ainda não têm uma estimativa do número de participantes.

O evento é organizado pela igreja Renascer em Cristo e apoiado por outras organizações evangélicas. Em 2010, a marcha reuniu 2 milhões de manifestantes, segundo a Polícia Militar –a organização estimou o público do ano passado em 5 milhões. O recorde de público ocorreu em 2007, quando 3,5 milhões de evangélicos marcharam, de acordo com a PM.

Segundo a organização, a marcha é realizada anualmente em mais de 170 países. Em São Paulo, o evento ocorre desde 1993. Na edição deste ano, haverá mais de 30 apresentações de artistas, entre eles Raul Gil, Chris Duran, Waguinho e Magno Malta, além de trios elétricos. A Marcha para Jesus está sendo transmitida ao vivo pelo site oficial do evento.

A SPTrans (órgão municipal responsável pelos ônibus municipais) disponibilizou a Van Atende para transportar os deficientes físicos até a concentração.

O terminal Armênia será desativado na quinta-feira, das 10h às 14h, e as linhas de ônibus serão desviadas para a ponte da Vila Guilherme, seguindo pela avenida Bom Jardim, ruas Araguaia, Canindé, Olarias, Pedro Vicente e avenida Cruzeiro do Sul. A engenharia de campo da CET irá monitorar o evento, orientando os motoristas e pedestres sobre rotas e bloqueios operacionais.

[b]Bloqueios[/b]

Veja abaixo as vias que serão bloqueadas por conta da marcha e os desvios montados pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego).

• Avenida Tiradentes (entre a avenida do Estado e o túnel Tom Jobim, sentido Aeroporto, terá sua pista local interditada a partir das 6h e a expressa a partir das 9h;
• A praça Campo de Bagatelle será interditada das 6h às 23h de quinta-feira;
• A avenida Olavo Fontoura, entre a praça Campo de Bagatelle e a rua Professor Milton Rodrigues, será bloqueada das 9h30 às 15h de quinta-feira;
• A praça Heróis da FEB e a avenida Santos Dumont, ambos os sentidos, serão bloqueadas no trecho correspondente entre a avenida Brás Leme e a rua Santa Eulália, das 22h de quarta-feira às 23h de quinta-feira.

[b]Desvios[/b]

• O tráfego no sentido Norte-Sul será desviado pela avenida Brás Leme, seguindo pelas avenidas Rudge, Rio Branco e Rótula Central, ou para quem se destina à zona sul, pelas avenidas Abraão Ribeiro e Pacaembu;
• No sentido Sul-Norte, o motorista deve seguir pela pista local até a avenida Tiradentes, rua Pedro Vicente e avenida Cruzeiro do Sul;
• A pista central da avenida Santos Dumont, sentido praça Campo de Bagatelle, terá seu trânsito desviado em direção à marginal Tietê (sentido Ayrton Senna).

[b]Fonte: UOL[/b]