Mais de 700 evangélicos prestigiaram show gospel na Praça da Vila Demétria, em Terenos,Mato Grosso do Sul. O evento encerrou a III Marcha para Jesus, denominada “Terenos no Caminho Certo” movimento anual que congrega evangélicos de todo o Município há Três anos.

A Marcha, coordenada este ano pelas Igrejas, Batista, Chama Viva e quadrangular, agregou também as diferentes vertentes evangélicas, Como a Igreja Palavra de Cristo, Deus é a Verdade, Assembléia de Deus Belém e Assembléia de Deus Madureira. “Não temos muitas diferenças. São como times de futebol, cada um tem a sua torcida”, participante da marcha.

Cada torcida veste a camisa e empunha a bandeira de seu “time” com orgulho. Mesmo sendo um evento que reúne praticamente todas as igrejas evangélicas, cada uma faz questão de divulgar seu nome, sua causa e a fé dos “torcedores fiéis”.

Para o Pastor Luiz Valdir, um dos organizadores da Marcha em Terenos, o aumento a cada ano no número de participantes no evento prova que a comunidade evangélica cresce, e rápido e Cada vez mais se encontra unida. “Com certeza, teremos mais do que os 700 participantes no ano que vem. Nossa comunidade cresceu”.

O grande número de adolescentes na Marcha dá a impressão de que o movimento cresce, mas não envelhece. Eles percorreram ruas e avenidas da cidade até a Praça da Vila Demétria ao som de dois Carros com muito louvor e adoração. “Esse é um encontro de todos, mas principalmente para os jovens”, afirma Alex Rolim. Para ele, o encontro entre fé e diversão garante o grande número de jovens na Marcha. “Este é o momento de mostrar todo o nosso orgulho em ser cristão. É muito bom se envolver com tudo isso”.

O “tudo isso” é a união das Igrejas, que estiveram presentes na Praça, com o intuito de levar a Palavra de Deus e diversão aos cristãos, garantida por músicos evangélicos do município e de Campo Grande. O evento foi aberto pelo Pastor Emiliano, sendo o pastor mais antigo no ministério em Terenos.

No repertório, louvor em ritmo de Musica Bahiana, Rap, rock e muita Dança com o Grupo Doksa de Campo Grande. Quem também participou da “festa” foram os comerciantes, que tiveram a oportunidade de levantar as vendas. “Foi muito bom. Encheu de gente no evento. Vendi bem mais rápido, como acontece todo ano”, profetizou o comerciante que possui ponto na Praça, onde os evangélicos se reuniram para encerrar a marcha.

Fonte: Aquidauana News