O papa Bento XVI pediu ontem o combate a todas as formas de exploração de seres humanos em uma carta que enviou aos participantes de um congresso sobre o tema.

No documento, o Pontífice disse esperar que “esta importante reunião dê origem a uma renovada consciência do valor inestimável da vida e a um compromisso cada vez mais ousado com a defesa dos direitos humanos, para que assim seja possível superar todas as formas de exploração”.

O encontro ao qual Bento XVI se refere é o Congresso Internacional de Religiosas em Rede contra o Tráfico de Pessoas, promovido pela União Internacional das Superioras Gerais (UISG), formada por freiras de 1.900 entidades religiosas, e pela Organização Internacional para as Migrações (OIM).

A reunião ocorre em Roma até quinta-feira. Em ocasiões anteriores, o Papa já se referiu de forma crítica ao tráfico de seres humanos. Para ele, a crise econômica internacional obriga cada vez mais pessoas a recorrerem a esta prática em busca de melhores condições de vida.

Fonte: Ansa