Durante a audiência geral desta quarta-feira no Vaticano, o papa Bento XVI defendeu que os objetivos básicos das instituições financeiras devem ser a solidariedade com os mais necessitados e o apoio à atividade produtiva.

O pontífice, que ultimamente tem abordado com freqüência vários aspectos da atual crise financeira internacional, aproveitou a presença de um grupo de representantes do Banco de Crédito Cooperativo de Lamentino para lançar este apelo à solidariedade.

– A vossa presença me oferece a oportunidade para ressaltar, especialmente neste tempo de dificuldade para tantas famílias, um dos objetivos primários das instituições bancárias e de crédito, ou seja, a solidariedade com as camadas mais necessitadas e o apoio à atividade produtiva – disse o Santo Padre.

Fonte: JB Online