O pastor evangélico Juarez Ferreira da Silva, de 52 anos, foi preso por agentes da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) de Duque de Caxias.

Ele estava foragido pelo crime de estupro de incapaz qualificado. Sua prisão ocorreu perto da residência onde moravam seus filhos.

O pastor era professor da rede municipal de Duque de Caxias e havia sido condenado a 12 anos de prisão por ter abusado sexualmente de quatro meninas, disse a delegada Alriam Fernandes, titular da DEAM.

As meninas tinham entre 12 e 13 anos de idade quando sofreram os abusos dentro da sala de aula na presença de alunos da escola em que trabalhava em 2006, de acordo com o processo. Ele foi condenado pela 1.ª Vara Criminal da Comarca de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

[b]Fonte: Agência Estado[/b]