O pastor Curtis A.L.G. (47), foi preso no fim da noite de sábado (28) nas proximidades do aeroporto Internacional de Porto Velho (RO).

O pastor da igreja evangélica Água Viva de Porto Velho, identificado como Curtis A.L.G. (47), foi preso no fim da noite de sábado (28) nas proximidades do aeroporto Internacional Governador Jorge Teixeira quando foi flagrado abusando sexualmente de uma adolescente de 14 anos, fiel de sua igreja.

O acusado estava em um automóvel modelo Corsa Classic e foi pego por uma guarnição do 1º BPM, que fazia ronda naquela região. O pastor quando percebeu a presença da polícia tentou fugir, porém não obteve êxito. Dentro do veículo do pastor os policiais encontraram uma adolescente de 14 anos, que ele estava obrigando a lhe fazer sexo oral e ainda acariciava as partes íntimas.

Quando questionada, a vítima falou aos PMs que o pastor tinha lhe oferecido carona, para lhe deixar em casa e acabou desviando o caminho. A menor disse ainda que o acusado falou para ela que se tudo ocorresse bem e ninguém ficasse sabendo, ela ia ganhar o que quisesse e ainda podia “colocar sua amiga no lance”.

Diante das acusações da adolescente, o pastor foi encaminhado para a Central de Flagrantes e posteriormente ao presídio Urso Panda. O inquérito foi transferido para a DEPCA (Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente).

[b]Fonte: Rondônia Ao Vivo[/b]