Dois homens suspeitos de matar um pastor evangélico e atirar contra uma funcionária da igreja, localizada na zona Norte de São Paulo, foram presos nesta quinta-feira.

O pastor foi atingido na cabeça e morreu depois de ser socorrido. A funcionária não foi atingida.

De acordo com a polícia, um dos presos seria namorado da ex-mulher do pastor. Os suspeitos fugiram depois do crime, mas foram presos na região depois que a Polícia Militar foi acionada.

Os presos deverão responder por homicídio qualificado e tentativa de homicídio. Eles foram encaminhados ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Belém, em São Paulo.

Fonte: O Tempo