Na última terça-feira (9), o apresentador Pedro Bial recebeu em seu novo programa ‘Conversa’, personalidades do meio cristão que têm alcançado grande repercussão nas redes sociais. Entre eles estiveram a cantora Priscilla Alcantara, o humorista Vini Rodrigues e o cantor Ton Carfi.

[img align=left width=300]https://noticias.gospelmais.com.br/files/2017/05/conversa-com-bial-priscilla-alcantara-jacinto-manto-ton-carfi-professor-ricardo-mariano.jpg[/img]Após passar o trecho de um de seus vídeos para o seu canal no Youtube, Bial perguntou à sua convidada: “Com seus vídeos, a quem você ajuda e quem você irrita?”.

Priscilla respondeu à pergunta direta do apresentador, explicando que seu público acabou sendo formado por jovens que se identificam com sua forma de olhar para a vida cristã.

“Eu ajudo pessoas que de algum modo foram frustradas ou traumatizadas com a religião. Eu ajudo todo mundo que precisa de uma esperança na vida. A maioria são jovens, pessoas a partir de uns 14 anos. De alguma forma elas me vêem como amiga. Eu exponho muito a minha fé e a minha vida com Deus para de algum modo ajudá-las e elas confiam em mim”.

“A religião religião muitas vezes oprime e sobrecarrega o homem, sendo que a cruz nos fez livres da escravidão. Então, muitas vezes, essas pessoas foram frustradas com a religião, mas eu as ajudo a não descontar essa frustração (que a religião trouxe) em Deus”, explicou.

Após a primeira parte da explicação da cantora e Youtuber, Bial insistiu na segunda parte de sua pergunta: “E quem não gosta…?”.

“Algumas pessoas religiosas, mais tradicionais, que não gostam muito daquilo que eu faço, exatamente por sair do padrão. Mas eu tenho uma vida com Deus e Ele nunca me impôs algum tipo de rótulo”, disse.

Priscilla acrescentou que um ponto importante da mensagem que ela quer passar aos jovens em suas pregações e vídeos é que Deus está acima de qualquer religião.

“Deus não é uma religião. Ele é alguém. Quando você acha que Deus se limita à religião, traz esse certo peso e parece que andar com Deus é um fardo pesado, sendo que não é. Se você vê Deus como alguém, vai entender que para você se tornar santo, não é questão de seguir uma lista de regras”, destacou.

A cantora também concordou com o apresentador, quando ele a interrompeu, sugerindo que é mais uma questão de intimidade com Jesus.

“Quanto mais você anda com uma pessoa, mais você aprende com ela, mais você se parece com ela. Quanto mais você tem intimidade com Ele [Jesus], mais você se parece com Ele”, destacou.

O sociólogo da USP, Ricardo Mariano também foi convidado a participar de um bate-papo em conjunto com os três convidados do programa e temas, como casamento gay e política também ganharam um espaço na conversa.

O programa completo pode ser conferido no vídeo abaixo:

[b]Fonte: Guia-me[/b]