O mês do Ramadã começará neste domingo na Tunísia e na Argélia, onde a lua crescente ainda não foi vista, informaram hoje as comissões nacionais encarregadas da observação.

O Ramadã é o mês sagrado dos muçulmanos, durante o qual foi revelado o Corão. Ele se caracteriza pela obrigação de manter um estrito jejum, além da proibição de fumar e de ter relações sexuais entre a alvorada e o pôr-do-sol.

Na Argélia, os grupos terroristas de inspiração religiosa consideram o Ramadã um período “eleito” para redobrar suas ações em favor do “jihad”, ou guerra santa. A interpretação é criticada pelas autoridades religiosas do país.

A maioria dos países da região costuma seguir a decisão tomada pela Arábia Saudita, que inicia o Ramadã neste sábado. É o caso de Líbano, Catar, Emirados Árabes Unidos e Kuwait. Outros, como o Egito, já haviam anunciado que o período começa no domingo.

Fonte: EFE