Os Guias Espirituais no Exílio, grupo de líderes cubanos de diferentes igrejas cristãs residentes em Miami, emitiram chamado ” às autoridades deste grande país” para que, esquecendo diferenças políticas e ideológicas, estenda a mão generosa e apóie Cuba.

A Ilha foi atingida por onda de ciclones e furacões. Os líderes religiosos que moram em Miami convidaram os exilados cubanos das redondezas para que se unam em campanha de ajuda e amor à Cuba.

“Não é preciso abandonar posições patrióticas e políticas para conseguir este empenho. Não se trata de se aliar ao regime despótico que desumaniza a nossa pátria, mas sim de compromisso espiritual e amoroso com o povo oprimido e sofrido”, sublinharam.

O Grupo de Guias Espirituais convida à oração e à unidade, colocando-se à disposição daqueles que precisam de apoio e respaldo. Assinam o comunicado, o bispo da Igreja Episcopal, Onell Soto, o bispo Agustín Roman, da Igreja Católica Romana, e o reverendo Martín N. Añorga, da Igreja Presbiteriana.

Fonte: ALC