Um rolo de pergaminho da Torá de origem espanhola e com cerca de 700 anos, considerado o mais completo que existe, foi vendido em Nova York por US$ 330 mil.

O manuscrito, adornado com desenhos cabalísticos e que datam do fim do século 13, é o único dos quatro textos religiosos judaicos de origem espanhola que foi vendido em uma licitação que arrecadou US$ 3,2 milhões com a venda de obras e objetos religiosos hebraicos, segundo informou o jornal El País.

De acordo com David Wachtel, o especialista em arte judaica da empresa responsável pelo leilão – a Sotheby’s-, “esta Torá provavelmente foi feita em Soria, em um círculo de místicos e cabalistas que surgiu no norte da Espanha e no sul da França e que mais tarde emigraram para Israel”. Ele ainda explicou ao “El País” que essa peça foi escrita entre 1278 e 1295 e que esta peça é “única no mundo”, pois sobreviveu a muitos anos e pertence a uma época da qual não sobraram muitos objetos. A Torá foi de uma família de origem espanhola que viveu no Marrocos e que agora reside em Israel. “É o único livro espanhol da Torá que inclui tradições cabalísticas com letras curvadas e em espiral”, disse Wachtel.

O rolo mede cerca de 58cm de altura e 36m de comprimento e foi preparado com uma mistura de sal, farinha e resíduos de cera. O rabino nova-iorquino, Yitzchok Reisman, submeteu o pergaminho a diversas provas para comprovar sua antiguidade.

Fonte: Folha Online