Padres são acusados de abuso sexual
Padres são acusados de abuso sexual

O Ministério Público de Munique, na Alemanha, investiga 100 padres por supostos abusos sexuais cometidos nas últimas décadas, depois que a Igreja Católica colocou à disposição da Justiça atas correspondentes.

“Agora veremos até que ponto esses indivíduos têm crimes rastreáveis”, disse nesta quinta-feira (7) o promotor Hans Kornprobst, que informou que alguns suspeitos morreram e em outros casos os crimes já prescreveram.

Em 13 casos já existe investigações abertas.

“Os documentos das dioceses são muito antigos, até onde sei até 1946. Tudo indica que só em poucos casos será possível abrir processo”, admitiu o promotor.

O cardeal de Munique, Reinhard Marx, já se mostrou favorável a investigar os escândalos de abusos sexuais dentro da Igreja.

Em novembro, durante um sermão, Marx disse que tinha chegado “a hora da verdade” para a Igreja.

Fonte: R7