Arcebispo dom Odilo Scherer
Arcebispo dom Odilo Scherer

Um evento evangélico realizado na Praça da Sé, em frente à Catedral de São Paulo, atrapalhou a missa que era celebrada no último domingo, 18 de novembro, em comemoração ao Dia Mundial do Pobre. Ao final da eucaristia, o cardeal de São Paulo, dom Odilo Scherer, subiu ao palco e se queixou do desrespeito.

A missa e o evento evangélico aconteceram de forma simultânea, e segundo informações da ACI Digital, o volume na pregação e apresentação de bandas atrapalhou a missa, e mesmo com pedidos de representantes da Catedral de São Paulo – também conhecida como Catedral da Sé – os evangélicos mantiveram o som alto.

Dom Odilo presidiu a missa do Dia Mundial dos Pobres, às 11h00, e também por ocasião do encerramento do 23º Encontro Estadual da Pastoral da Comunicação, promovido pelo Regional Sul 1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

“Tentamos conversar com os organizadores do evento evangélico antes e durante a missa, para diminuírem o som, sem sucesso. Ao fim da Missa, o próprio cardeal foi até o palco e pediu para fazer uso da palavra”, contou o assessor de comunicação da Arquidiocese, Rafael Alberto, em uma postagem no Facebook.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o cardeal saudando os evangélicos e relatando que o som atrapalhou: “Acabamos de celebrar a missa na Catedral de São Paulo. Estava difícil de celebrar, tinha muito barulho”, queixou-se dom Odilo. “No que depender de mim, pastor, não vai ter nenhum grupo católico, evento católico na frente de igreja evangélica durante a oração, durante o culto, fazendo barulho. No que depender de mim, não vai ter não”.

Fonte: Gospel +