O pré-candidato republicano Mitt Romney destacou nesta quinta-feira a natureza, segundo ele, profundamente religiosa dos Estados Unidos, num momento em que sua religião sofre com a hesitação do eleitorado cristão conservador.

“Somos uma nação submetida a Deus e temos confiança n’Ele”, declarou Romney durante um discurso de campanha no Texas em referência a duas marcas do patriotismo americano, o juramento de fidelidade à bandeira americana e nas cédulas de dólar.

“Alguns queriam que o candidato presidencial descrevesse e explicasse a doutrina específica de sua igreja, mas isso seria instaurar um exame religioso que os fundadores dos Estados Unidos proibiram na Constituição: nenhum candidato deve ser o porta-voz de sua fé, já que caso se torne presidente, vai precisar das orações de pessoas de todos os credos”, disse.

Romney está no quinto lugar nas intenções de voto entre os pré-candidatos republicanos.

Fonte: AFP